Cardoso de Menezes, um dos mais populares musicistas brasileiros do  Segundo Império, nasceu em Taubaté, quando seu pai, o Barão de Paranapiacaba, lecionava por aqui.

Menezes, que era abolicionista, foi o autor da marcha sinfônica “A marselhesa dos escravos”, composta em 1884, para homenagear a abolição da escravidão no Ceará.

Compôs músicas com Aluísio Azevedo e fez canções para Castro Alves e Ernesto Nazareth.